Defina o tom de voz da marca da sua empresa B2B neste passo a passo completo e leve personalidade e humanização para sua aquisição de clientes.
Iara Picolo
Iara Picolo|icone relogio 8 min de leitura

Compartilhe:

Muitas empresas no meio digital pensam que o tom de voz da marca é algo aplicável somente a produtos físicos. Porém, desenvolver um tom de voz da marca em empresas B2B também pode ajudar a aumentar as vendas, principalmente em empresas SaaS (Software as a Service). 

Ler mais: Saiba como vender software como serviço usando Inbound Marketing em empresas SaaS 

O tom de voz bem definido em uma marca pode ajudar a:

  • Diferenciar sua marca dos concorrentes.
  • Humanizar sua marca e mostrar cultura.
  • Construir uma relação de confiança com seus clientes pela familiaridade.
  • Influenciar os usuários com uma conexão pessoal. 

Mas como isso tudo é aplicável em empresas de software ou tecnologia? 

Bom, seres humanos são seres racionais e capazes de sentir. Dito isso, tendemos a confiar tanto na lógica quanto em nossas emoções.

Assim, quando interagimos com alguma ferramenta, não pensamos apenas em seus recursos, mas também tentamos sentir uma sensação de conexão ao olhar para um produto

Muitos dos seus consumidores, por mais tecnológicos que sejam, também estão olhando para o seu produto ou solução e pensando: “será que é a minha cara?” 

Então, como definir o tom de voz de uma marca em empresas de tecnologia B2B de forma única e eficiente? 

Para te ajudar, criamos este artigo contendo as principais informações sobre o tom de voz de uma marca e um passo a passo para sua construção. Acompanhe: 

CTA

O que é o tom de voz de uma marca? 

Quando falamos sobre o que é o tom de voz de uma marca, não estamos falando sobre o que você diz, mas sim sobre como diz. Dito isso, esse termo abrange as palavras que você usa, bem como o ritmo que você adota ao falar e escrever sobre sua marca. 

Mas, qual a diferença entre voz e tom? 

Bom, a própria HubSpot tem uma definição muito interessante que pode te ajudar a entender melhor: 

Voz

— A distinta e estável personalidade e estilo da sua marca

Enquanto isso, o tom é um subconjunto da voz que descreve:

Tom

— O humor e as atitudes específicas dos seus conteúdos, que podem variar dependendo do canal utilizado, da situação e do público. 

Ler mais: HubSpot: tudo sobre o software de automação de marketing

Assim, em resumo, a voz é um aspecto consistente da sua marca, enquanto o tom possui um aspecto muito mais contextual.

Uma boa analogia para compreender tom e voz de marca é a seguinte: quando sua mãe atende um telefonema, você sabe definir, apenas pela forma como ela fala, se a pessoa do outro lado da linha é alguém conhecido ou não, se o assunto é sério ou não e se ela está feliz com esta ligação ou não. 

A voz é sempre a mesma, da sua mãe, mas é o tom que define o restante. 

Então, aplicamos o mesmo para sua empresa. Ela tem uma voz, mas essa voz da marca não se comporta da mesma forma em todos os lugares, canais e com todas as pessoas. É aí que entra o tom de voz. 

Como definir o tom de voz da marca em empresas B2B? | Fluxo

Por que a criação de um tom de voz em empresas B2B é diferente? 

É fato que muitas pessoas pensam que o tom de voz não precisa estar presente em empresas B2B pela diferença entre seus públicos e personas, que tendem a apresentar perfis distintos, como: 

  • Consumidores B2C: costumam ser clientes muito emocionais, facilmente persuadidos a abrir mão do seu dinheiro para adquirir um produto.
  • Clientes empresariais: são mais lógicos e racionais, procurando somente fechar uma compra após muito tempo de pesquisa.

Portanto, como um aspecto que mexe com o emocional dos clientes e cria conexões profundas com eles pode ser usado em seres que tomam decisões mais racionais?

Ler mais: Como definir o ICP e persona para sua estratégia de marketing em empresas B2B  

Bom, embora esses dois tipos de clientes possuam jornadas de compra bem distintas, ainda há muitas semelhanças. O fato é que, estejam eles de roupa social ou de bermuda e chinelo, seu público é sempre racional e emocional, apenas variando para qual lado pesará mais, afinal, no fim de tudo são sempre humanos

É da natureza deles fazer julgamentos sobre sua empresa com base em escolhas estilísticas da marca, assim como o tom de voz. A maneira como você fala com seu público pode ser a diferença entre conquistar mais um cliente ou perder uma oportunidade. Não importa de qual setor você venha ou o que você venda

Ler mais: Funil de vendas vs. flywheel

Como definir o tom de voz da marca em empresas B2B? | Fluxo

Como definir o tom de voz da marca na sua empresa de tecnologia B2B? 

Para te ajudar a criar o tom de voz da sua empresa de tecnologia, elaboramos um passo a passo eficiente em estratégias de branding que vai te ajudar a dar mais personalidade para sua marca e aumentar seu aspecto humano. 

Identifique a cultura da sua empresa 

Primeiramente, a determinação do tom de voz da sua marca deve começar pela coleta de dados. Assim, compilando dados externos e internos para dar uma noção do tom da sua empresa e da cultura do seu público-alvo. 

Acompanhe alguns recursos internos que precisam serem considerados para identificar o tom de voz certo na sua empresa B2B

1 – Missão e Valores

O melhor lugar para começar é revisando as missões e valores da sua empresa. Isso, pois se houver uma desconexão entre esses aspectos e seu tom de voz, comunicar esses valores para seu público externo será muito mais difícil

Assim, dependendo deles, você deve decidir alguns aspectos do seu tom de voz, como se ele será mais relaxado ou rebelde, mais profissional ou amigável, etc. 

2 – Conteúdo existente 

Mesmo que você nunca tenha pensado nisso, provavelmente seu conteúdo já começou a moldar o tom de voz da sua marca

Embora isso nem sempre ocorra, você pode considerar o tom existente e tentar não ir na direção contrária a ele. Ao invés disso, procure evoluir esse tom para torná-lo mais impactante e significativo. 

Como definir o tom de voz da marca em empresas B2B? | Fluxo

3 – Conversa interna

Já parou para prestar atenção em como sua equipe se comunica dentro da empresa? Seja em plataformas como o Slack, Google Chat, ou até mesmo em e-mails? 

Ler mais: Equipe de marketing interna ou agência de marketing digital?

Mesmo que isso pareça um pouco estranho, é um grande recurso de ideias. E, ainda mais importante, ajuda a criar um tom de voz de marca que não esteja completamente separado da própria cultura da sua equipe. O que com toda certeza auxilia para dar mais sucesso em suas estratégias. 

Quanto mais próximo seu tom de voz estiver alinhado com a cultura da sua equipe, mais fácil será mantê-lo. 

A seguir, vejamos alguns recursos externos a serem considerados para ajudar a desenvolver o tom de voz da sua marca B2B:

Como definir o tom de voz da marca em empresas B2B? | Fluxo

1 – Público

Quando você se comunicar com seu público-alvo, procure fazer a si mesmo as seguintes perguntas: 

  • O que é provável que repercute em nosso público-alvo?
  • Como essas empresas já se comunicam entre si?
  • Como é o estilo de comunicação do seu público em comunidades como LinkedIn e Slack? 
  • Que tipo de palavras eles costumam usar? 

Diante disso, considere também ficar o mais próximo possível do tom de voz usado pelo seu público. 

2 – Concorrentes

O próximo passo é considerar seus concorrentes. Afinal, é necessário levar em consideração o que eles estão fazendo. Isso te ajudará a ter ideias e encontrar pontos em comum que seus concorrentes apresentam entre si.

Mas lembre-se, a última coisa que você vai querer é parecer que você roubou o tom de voz de outra empresa

Dessa maneira, procure basear-se e inspirar-se em seus concorrentes, mas mantendo a originalidade acima de tudo. 

Como definir o tom de voz da marca em empresas B2B? | Fluxo

3 – Canais

Outro ponto importante é a variação do tom de voz de canal para canal que sua empresa deve considerar

A comunicação em redes sociais como Facebook ou Twitter com seus clientes com toda certeza será muito diferente dos seus e-mails e posts no LinkedIn, por exemplo. 

Ler mais: O e-mail marketing ainda funciona: veja o porquê

Assim, procure manter a personalidade da sua marca, apenas mudando o tom dela. Bem como nós já fazemos no dia a dia em diferentes ambientes, por exemplo. 

4 – Especificidades locais

Por fim, a última coisa a ser considerada são as especificidades locais. Ou seja, se você está presente em muitos mercados diferentes ou quer soar nativo em vários países, é preciso considerar seu vocabulário e tom em cada região. 

Diante disso, lembre-se dessas especificidades e considere trabalhar com conselheiros ou consultores locais para ver o que é importante para eles e como seu tom de voz precisa ser repensado ou modificado para esta região específica

Agora, vamos para o próximo passo da construção do tom de voz da sua marca B2B.

Como definir o tom de voz da marca em empresas B2B? | Fluxo

Crie um guia de diretrizes de uso de tom de voz 

Depois de todo o trabalho inicial, chega a hora de documentar de forma clara para que qualquer pessoa da sua empresa que for escrever algo possa usar seu guia.

Dessa maneira, tente incluir:

  • Declaração de “quem somos”:  esta é a personificação da personalidade da sua marca e deve explicar o que sua marca representa em alguns parágrafos curtos. Além disso, também define o tom de como seu público se sentirá com sua marca, deixando qualquer um que leia essa parte com o mesmo sentimento.
  • Valores da empresa: inclua seus valores, afinal, eles devem estar no centro de tudo o que você faz, inclusive informar como sua empresa falará com o mundo.
  • Definição de sua voz: defina algumas características precisas que atinjam o cerne de quem sua empresa é. Assim, você pode escolher uma palavra e utilizar um pequeno parágrafo para explicá-la ou usar exemplos, como “somos profissionais, mas não enfadonhos”
  • Exemplos de escolha de palavras: forneça exemplos concretos de palavras ou frases relevantes aos seus escritores, dando uma melhor visualização de como aplicar seus princípios. 
  • Exemplos de conteúdo: em seu guia, inclua exemplos de conteúdo, como e-mail ou redes sociais, para dar vida aos seus princípios de tom de voz de marca que foram estabelecidos. Além disso, você também pode incluir exemplos do que não escrever, a fim de dar um contraste único para sua voz e evitar erros.

Exemplos de tom de voz de marca em empresas B2B

Para te ajudar a definir ainda mais seu tom de voz de marca para empresas B2B, listei alguns exemplos fortes de empresas que construíram sua personalidade de forma surpreendente e comunicam-se com seu público de forma eficiente:

  • Dell: essa empresa de tecnologia incorporou uma mistura envolvente de vídeo, destaques de funcionários e notícias da empresa no LinkedIn. Eles possuem um tom leve, vão direto ao ponto e ainda com toque humano.
  • Slack: usando descrições claras e diretas, a Slack é bem eficiente em suas estratégias de gifs e uso de emojis cuidadosamente selecionados, então, eles são muito adeptos a um lado mais divertido para humanizar a marca.

Ler mais: Como maximizar suas estratégias de Inbound Marketing para vender mais que seus concorrentes? 

  • Sophos: é possível humanizar a cibersegurança? A Sophos provou que você pode equilibrar o fornecimento de informações cruciais sobre ameaças cibernéticas sem recorrer a gatilhos mentais envolvendo o medo.

Coloque seu tom de voz de marca em uso

O passo final é colocar tudo em uso. Neste ponto, distribua seu guia para todos da sua empresa, principalmente os responsáveis pela comunicação externa. 

Assim, fica fácil descobrir um tom de voz que o diferencie de seus concorrentes e torna sua marca única, fazendo com que as pessoas sintam que estão mais conectadas com você e estimulem uma resposta emocional específica. 

Se você ainda tiver dificuldades ou sente que precisa do auxílio de especialistas, conte com nossa consultoria de marketing digital e potencialize suas estratégias ao máximo:

CTA

Newsletter

Inscreva-se em nossa newsletter para ter tudo em seu e-mail!

Menu

Queremos conhecer seus objetivos. Preencha o formulário e nossa equipe entrará em contato com você.

Se chegou até aqui, você já fez a escolha certa para ver a sua empresa com marketing estratégico, prático e de alta performance!

Suas informações foram enviadas com sucesso. Em breve nossa equipe entrará em contato.