08/04/2020
Compartilhe este artigo

Já passou o período da dúvida: a pandemia de coronavírus é, de fato, um problema enorme. 

A maior crise a afetar o mundo inteiro em muitos anos. Já estamos sentindo seu impacto, e ele vai continuar a reverberar por muito tempo, mudando – quem sabe definitivamente – o nosso modo de vida.

Este é um momento único na vida de qualquer gestor de empresas vivo hoje. Ninguém tem a expertise para saber exatamente como lidar com algo tão inédito. Mas isso não quer dizer que agora seja a hora de se desesperar. 

Este é um momento de reorganização, de recolher os cacos e nos fortalecer para os próximos golpes que virão.

É um momento para repensar nossas formas de viver, nossas formas fazer negócios, o nosso relacionamento com os clientes e de descobrir o que o coronavírus pode nos ensinar sobre marketing digital.

A COVID-19 já mostrou que o impacto na saúde vai ser imenso. E, na esteira dele, vem um choque forte na economia. 

Para a grande maioria dos setores, as vendas certamente vão diminuir, muitos clientes vão desaparecer e sua empresa provavelmente vai enfrentar seus maiores desafios nas próximas semanas e nos meses que virão.

E é neste momento que você mais vai precisar do marketing de conteúdo. Não para “aproveitar a crise com uma oportunidade”. Esse conceito é absurdo, rasteiro e desprezível em tempos como este. 

Pelo contrário, neste momento o marketing vai ser uma ferramenta de resistência e de solidariedade. 

É através do marketing que você vai conseguir garantir a sobrevivência de sua empresa. E é também por meio dele que você vai poder fazer o que estiver ao alcance de sua empresa para fazer sua parte no combate à crise. 

Marketing de relacionamento em tempos de COVID-19

Coronavírus e o relacionamento com os clientes: como fica?Coronavírus e o relacionamento com os clientes: como fica?

Dissemos que é neste momento que você mais vai precisar do marketing de conteúdo, e também de outras formas de marketing para sua empresa. 

Mas, enfim, como o marketing vai te ajudar em meio à crise do coronavírus, se este é um momento de poucas vendas?

De fato, em meio à crise, não dá para contar com muitas vendas – menos ainda com vendas forçadas, feitas com um marketing agressivo.

Por isso, o momento pede mais captação e nutrição de leads, e é aí que entra o marketing de relacionamento. 

Mas antes de entender esse processo, você precisa ter clareza sobre como funciona o funil de vendas, para saber do que exatamente estamos falando.

Como funciona o funil de vendas no marketing digital

Seus investimentos em um bom marketing digital geralmente tem como objetivo fazer os possíveis clientes atravessarem um caminho sobre o qual já falamos bastante por aqui: o funil de vendas. Vamos repassar para não ficar dúvidas?

O funil é uma metáfora muito usada no Inbound Marketing para representar as etapas que um cliente passa no caminho até fechar uma compra com sua empresa. Ele é dividido em três partes: topo de funil, meio de funil e fundo de funil.

O topo é o momento da atração, de aprendizado e descoberta. O objetivo do marketing de conteúdo é oferecer materiais para ajudar a pessoa a perceber que possui algum problema ou uma oportunidade, com o qual você pode ajudar.

O meio do funil é quando o cliente reconheceu que tem um problema ou uma demanda. Ele se torna um lead e a função do marketing é a fazer sua conversão e nutrição, oferecendo conteúdos focados em ajudá-lo.

No fundo do funil, seu marketing deve ter gerado mais oportunidades para fechar vendas. Isso porque você vai ter nutrido o lead com informações úteis, vai ter criado um interesse pelo que sua empresa pode oferecer e ainda vai ter desenvolvido uma relação de confiança com ele.

Relembrou como funciona o funil de vendas? Ótimo. Agora podemos entender direitinho em quais etapas você deve trabalhar com seus clientes agora, tanto para manter o seu relacionamento quanto para ajudá-los a passar por este período. Vamos lá?

Como manter sua empresa e ajudar seus clientes com o marketing de conteúdo?

Coronavírus e o relacionamento com os clientes: como fica? | Fluxo

Sabemos que este é um tempo de vacas magras. Suas vendas certamente vão diminuir, porque todo mundo vai estar preocupado com o seu próprio financeiro. 

Sejam seus clientes donos de restaurantes, gestores de call centers, dentistas, empresários ou mesmo médicos de especialidades que não se relacionam tanto com a COVID-19. Dificilmente você conseguirá muitas vendas durante o período. O seu final do funil provavelmente ficará pouco movimentado.

Mas é justamente neste momento que você precisa investir tanto na captação de leads quando na nutrição da base que você já tem! E essas duas estratégias de relacionamento com seus clientes têm tudo a ver com produzir conteúdos que vão ajudá-los!

Tanto a captação quanto a nutrição de leads é feita através da produção de conteúdos interessantes para seus clientes. É um momento para ser realmente relevante para eles. 

Isso significa ter um marketing de conteúdo realmente eficiente. Priorize a produção de conteúdos que possam de fato ajudar seus clientes a lidar com seus próprios problemas. 

Afinal, o objetivo do marketing é ajudar o cliente a lidar com suas dores e, neste momento, a grande dor da maioria das empresas é o impacto do coronavírus. 

Por isso, fale sobre o assunto nos seus post blogs, nas suas redes sociais e materiais educativos. Ajude seus clientes a lidarem com as dificuldades que acompanham os tempos de crise.

Lembre que marketing digital é sobre produzir conteúdos de relevância, e não sobre vender algo. Assim, você conseguirá manter o seu relacionamento com seus clientes e ainda fazer a sua parte durante a crise. 

Afinal, as pessoas vão lembrar do seu posicionamento neste momento de dificuldade. Que mensagem você quer deixar?

Invista em marketing de relacionamento

Coronavírus e o relacionamento com os clientes: como fica?Coronavírus e o relacionamento com os clientes: como fica?

A produção de conteúdos relevantes é algo muito poderoso para melhorar o  seu relacionamento com clientes, mas para que a fidelidade dos seus clientes continue alta neste período de crise, é preciso contar com um bom marketing de relacionamento.

O marketing de relacionamento se define nas ações tomadas pela sua empresa com o objetivo de criar ou mesmo manter um relacionamento positivo com os clientes. Confira algumas formas de agir:

1.Cultura de fidelização

Antes de começar com o marketing de relacionamento, você precisa que sua empresa tenha uma cultura de fidelização: tenha reuniões (por ligações remotas, claro) para que toda sua equipe trabalhe na direção de um melhor relacionamento com os clientes.

2. Atenção no atendimento 

Um dos principais pontos para um bom marketing de relacionamento é o atendimento aos clientes. Você precisa que seu atendimento seja cativante não apenas na hora da venda, mas também na pós-venda e na hora de tirar dúvidas.

3. Conheça seu cliente

É essencial saber exatamente com quem você está falando. Por isso, conheça seu cliente, confira seus dados cadastrais e esteja preparado para tratá-los da forma mais adequada possível. Para isso, lembre também das características do cliente da era digital.

4. Humanize a comunicação

Um relacionamento humanizado com seus clientes é central em qualquer momento, mas neste período de crise o processo de humanização é ainda mais importante no relacionamento com seus clientes.

5. Nutrição da base de leads

A nutrição da base também é uma ótima forma de manter um bom relacionamento com seus clientes. Conte com o e-mail marketing e busque engajar os clientes nos conteúdos de seu blog. 

6. Tenha regularidade

É importante que sua comunicação com os clientes tenha certa frequência. Nada de sumir por semanas, mas também evite sobrecarregar a caixa de e-mail deles. Pense que este precisa ser um relacionamento de longo prazo.

7. Realize ações para ajudar a comunidade

Isso é ainda mais importante neste momento! Busque que tipos de ações sua empresa pode realizar para ajudar a comunidade e o ambiente em que seus clientes estão neste momento de pandemia.

Isso pode ir desde disponibilizar o trabalho remoto para seus funcionários até executar doações de alimentos para a comunidade. Assim você marca o posicionamento da empresa.

8. Conte com as redes sociais

Com seu público cada vez mais digital, você pode usar as redes sociais para compartilhar conteúdos úteis, mostrar suas ações e fortalecer o relacionamento com seus clientes.

Lembre que rede social não é suficiente, mas se seus perfis e conteúdos postados forem interessantes, os clientes acompanharão e não vão esquecer do seu trabalho neste período.

Você pode também publicar mensagens de apoio aos trabalhadores que estão na linha de frente do combate à COVID-19 e incentivar seu público a evitar aglomerações, manter a higiene e lembrar da empatia. Afinal, estamos todos juntos nessa.

Dica bônus

O relacionamento com seus clientes é essencial, mas você precisa trazer clientes para ter esse relacionamento, não é?

Confira como levar mais leads nas suas campanhas de marketing com nosso material gratuito. É só clicar aqui embaixo.


Compartilhe este artigo
Formação em Bacharelado em Informática e Administração. Sócio-fundador da Fluxo, agência de Marketing Digital. Inbound Marketing na veia. Tecnologia no sangue, resultado no suor.
Maurício Rech
Conheça o autor:

Deixe um comentário

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *