04/08/2016
Compartilhe este artigo

Manter-se no topo das páginas de pesquisa do Google é uma tarefa difícil que exige disciplina e principalmente produção de conteúdo com relevância para quem os procura.

A busca realizada de forma orgânica, ou seja, a busca natural, relacionada a palavra-chave digitada e só aparece nos primeiros resultados os sites mais relevantes para aquele termo, aqui no Brasil, neste ano de 2016 corresponde a 50% de todo o tráfego gerado na web.

Ainda, é possível observar, segundo pesquisas realizadas que cerca de 49% dos brasileiros já possuem em casa a internet. 42% dos internautas acessam a rede através de mobile, ou seja, via celular. Dessa maneira, para alcançar os melhores resultados nas pesquisas relacionadas e alcançar as melhores posições nas páginas de busca, otimizar o SEO não é tudo. É necessário bem mais.

No decorrer dos anos o Google investiu fortemente para que todos os usuários tivessem, cada vez mais, buscas realmente relevantes e condizentes com aquilo que estão procurando. Panda e Penguim, não sabe o que significa? São duas das atualizações realizadas pela empresa que alteram a forma como as páginas, hoje, são classificadas.

Explicando melhor, visando uma busca com boa experiência para cada internauta, a cada nova pesquisa, os robôs responsáveis pelos mecanismos de buscas “varrem” as milhares de páginas na internet, procurando arquivos que poderão atender de forma significativa aos anseios de quem está navegando na internet. Foi dessa maneira que os conteúdos ofertados passaram a ter um novo valor e, também, um novo peso.

Quando falamos em novo valor e peso, nos referimos ao fato de que quanto mais relevância ele tiver, maiores serão as chances da sua empresa se posicionar de forma significativa nos mecanismos de busca do Google. E quanto melhor o posicionamento, maior a visibilidade que ele terá na internet e maior será a proximidade da sua marca com o seu público-alvo. Maiores serão as chances de transformar aquele que se denomina como visitante em um novo cliente para o seu negócio.

Pensando em como poderíamos ajudar a aumentar o volume dos seus negócios e as chances de fechar novos e novos negócio, preparamos 3 dicas que vão ajudar a sua empresa a ganhar novas posições no Google, explorando, apenas, o tráfego orgânico. Confira:

Conteúdo relevante para o visitante

Um bom trabalho em SEO não é baseado apenas em encontrar as melhores técnicas de otimização. Vai muito além disso.

Caso o seu objetivo seja aumentar as vendas através da Web:

  • Foque, principalmente, em desenvolver um trabalho de qualidade, com um site bem construído e uma excelente arquitetura de organização das informações.
  • Planeje conteúdos e páginas analisando as principais duvidas e procuras do internauta, lembre-se que quanto mais relevante e quanto mais ele ajudar esse internauta a resolver as dúvidas que ele possui, mais relevância terá para ele.

Encontre palavras-chave que realmente tenham sentido e ligação com o seu conteúdo e o seu modelo de negócio no mercado.

Não devemos menosprezar o trabalho de otimização On-Page, nem esquecer da sua importância. O fato é que, quando o assunto é resultado orgânico, apenas o conteúdo relevante terá impacto na forma como o Google posiciona a sua marca.

É dessa forma que o objetivo de vender mais através da web tem relação direta com a produção de conteúdo de qualidade, baseado em analises de um funil de vendas, tendo indispensável presença para adquirir posições e ser facilmente encontrado pelo seu público consumidor.

Você sabe se o conteúdo que está produzindo é relevante?

Conheça o seu público-alvo

Faça uma pesquisa junto à sua base atual de clientes para conhecer o perfil de quem está comprando de você, para quem você está direcionando o seu conteúdo. Tente responder as seguintes perguntas e crie uma persona para eles.

  • Quem é o seu potencial cliente? (características físicas e psicológicas do responsável pela compra)
  • Que tipo de assunto interessaria para ele sobre o seu setor?
  • Quais são as atividades mais comuns que ele realiza? (tanto pessoalmente quanto profissionalmente)
  • Qual seu nível de instrução?
  • Quais seus desafios e obstáculos?
  • Que tipo de informações ele consome e em quais veículos?
  • No caso de produtos B2B, qual é o tipo de empresa que compra a sua solução?
  • E qual o cargo de quem compra?
  • Quem influencia suas decisões?

Disponibilizamos, de forma gratuita, um Pôster Criador de Personas. Ele poderá lhe auxiliar na definição de personas e ainda deixará elas visíveis para toda a sua equipe.

Conheça as tendências de palavras-chave no seu segmento

Utilize a barra de pesquisas do Google para saber como os usuários estão se comportando perante as buscas de determinados termos. Use-os, tanto na construção do seu site quanto na produção dos conteúdos. Outro recurso é explorar o Google Trends para conhecer e analisar o comportamento das palavras durante todo o ano.

Você também poderá utilizar a busca interna no seu site para saber quais são os termos mais procurados pelos seus visitantes. Esses termos têm o poder de te dizer o que exatamente eles estão procurando. O Google Analytics fornece essa lista de termos.

Procure saber o que o seu concorrente está fazendo

Quanto mais assertivo for o conteúdo que você está lançando na rede, melhor será o seu posicionamento e maiores, ainda, serão as chances de atingir o seu público e transformar visitantes em clientes.

Melhore a do visitante experiência em seu site

De nada adiantará se você tiver um conteúdo impecável se a experiência com o visitante tiver durante a navegação não for muito bacana. Sites pesados, lentos e que, muitas vezes, dificultam a vida do usuário em outros dispositivos como tablets e mobiles, por exemplo, possuem a tendência de levar o seu potencial cliente para o concorrente.

Duas dicas:

  • Invista em sites responsivos e rápidos;
  • Aumente o tempo de permanência dos visitantes no site.

Construa link building qualitativamente bom

O link building possui o objetivo de ajudar a construir a sua autoridade na web.

E como ganhar backlinks de qualidade?

Avalie as menções da sua marca

Ganhe autoridade pelo conteúdo que produz e receba redirecionamentos pela referência que representa na web em seu segmento de atuação.

Faça um Co-Marketing

Mais que uma ação conjunta entre empresas, o Co-Marketing é uma boa maneira de adquirir links relacionados ao seu segmento. Um bom exemplo de Co-Marketing é a produção conjunta de materiais ricos.

Elimine o famoso Erro 404

Descubra o famoso erro 404, ou seja, as páginas não encontradas dentro do seu site e aponte os links para páginas existentes. Isso melhora a experiência do visitante durante a navegação.

Produzir conteúdo relevante garante uma boa experiência para o usuário em seu site. Ganhar direcionamentos de qualidade é o mínimo que você pode fazer para ganhar posições no Google e se fazer presente na rede.

Lembre-se que, quanto maior for a sua presença na web, maior será a sua força para fazer a máquina de vendas girar. Utilizar o tráfego orgânico a seu favor.

Marketing Digital para vender mais


Compartilhe este artigo
São mais de 12 anos de experiência em Desenvolvimento voltado para internet, 8 anos trabalhando com Marketing Digital e uns 4 anos ajudando empresas a ter mais oportunidades de negócio com o Inbound Marketing.
Rafael Longo
Conheça o autor:

Deixe um comentário

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *