Como é seu posicionamento nas redes sociais?

27/02/2018

Criar conteúdo para as redes sociais? Como a forma como sua marca se posiciona nas redes pode dizer para seus clientes quem é você e qual é o seu propósito?

Tem curiosidade para saber mais sobre posicionamento de marca e as redes sociais?

Continue conosco.

Primeiramente, para que você possa maximizar a sua empresa dentro das redes sociais é necessário que conheçamos todo o processo e como funcionam essas Redes.

Então vamos lá!

O que é uma Rede Social?

Rede social existe dentro e fora da internet. Nada mais é do que um grupo de pessoas trocando informações com outras pessoas.

Se o processo ocorrer de forma reciproca, é entendido como uma rede social.

Por exemplo: Uma roda de amigos, uma reunião do trabalho ou encontro de família pode ser uma rede social. E claro, também temos as ferramentas sociais como Facebook, Instagram, Twitter e tantas outras.

Pensando nos exemplos citados a cima, nós conseguimos resumir em 3 palavras a maneira como eles funcionam: CONEXÃO X PESSOAS X INFORMAÇÃO.

Todas as redes são fundamentadas em pessoas que se conectam de alguma forma, para trocar informação relevante.

Mas, onde estão as marcas?

Se levarmos em consideração esses três pontos que compõem uma rede social e depois pararmos para pensar, podemos concluir que as empresas neste meio seriam totalmente “intrusas”.

Por isso a necessidade de que as empresas tenham uma comunicação o mais pessoal possível, para criar um relacionamento com seus clientes no Facebook.

A comunicação entre marcas e clientes torna-se horizontal. Somos dois amigos conversando, não mais uma marca falando, e um cliente sem poder de interação.

Existe diversas formas de você fazer com que sua marca ou empresa se torne mais humana. Duas delas são os arquétipos e o Brandpersona.

Brandpersona.

O Brandpersona nada mais é que o processo de atribuir características humanas para sua empresa ou serviço.

Comece com o básico: se sua marca fosse uma pessoa, como ela seria?

Sexo, idade, personalidade, tom de voz, gírias: quais seriam as características desse ser?

Aqui no blog da Fluxo, já conversamos sobre Personas e como elas são fundamentais na construção de estratégias digitais.

Essas características da sua persona podem te ajudar na hora de criar conteúdo, definir linguagens de campanhas, linguagem de respostas em comentários, entre outros.

Os Arquétipos

O arquétipo de uma marca é, dentre todas as características do seu Brandpersona, escolher um posicionamento de comportamento.

Escolha o que mais combinar com você e sua proposta. Um escritório de advocacia, por exemplo, deve evitar ser muito brincalhão e usar muitas gírias nas redes sociais, já que esse comportamento não reflete o trabalho realizado.

Para ajudar vocês, trouxemos alguns abaixo:

Criador: Se pode ser imaginado pode ser criado.

Explorador: Não levante cercas a minha volta.

Fora da Lei: As regras são feitas para serem quebradas.

Bobo da Corte: Seu eu não dançar, não quero fazer parte da sua revolução.

Amante: Só tenho olhos para você.

Prestativo: Ama o teu próximo como a ti mesmo.

Cara Comum: Todos os homens e mulheres são criados igualmente.

Inocente: Somos livres para sermos nós mesmos.

Governante: O poder não é tudo, é só o que importa.

Sábio: A verdade libertará você.

Mago: Tudo pode acontecer.

Herói: Onde há vontade, há um caminho.

Nesta imagem, podemos perceber como algumas marcas se posicionam.

arquétipos de marca fluxo

Olhando as marcas e os exemplos a cima conseguimos ter uma boa visão de seu posicionamento e das personalidades das marcas citadas.

Tudo isso, serve para que você possa adaptar o seu conteúdo para determinado público-alvo, criando uma conexão melhor com seus clientes nas redes sociais e então estabelecer um dialogo mais personalizado e mais humano.

Para conhecer mais sobre as redes sociais, fale com a Fluxo.

Fale com a Fluxo

Deixe um comentário

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *